sexta-feira, 2 de setembro de 2011


"Quando você começar a se sentir tonta e fraca, está quase lá". É uma frase comum de se ver nos blogs pro-ana: "When you start to feel dizzy and weak, you're almost there". Pra quem não teve uma real experiência do que é se sentir tonta e fraca, tenho algo a dizer: ficar sem comida por um ou dois dias não é o suficiente. Se você não passar mal, muito mal, se não ficar praticamente definhada de inanição, então você não apenas está no caminho errado, como simplesmente não sacou a essência da anorexia e está perdendo seu tempo. Eis a verdade: não é fácil! É preciso tolerar muita coisa. Primeiro, o tempo que custa a passar até que as dores principiem. Depois, as próprias dores. Sim, porque um dos maiores erros que você pode cometer é comer ao primeiro sinal de tontura, fraqueza ou dor - pois é justamente nesse momento em que você estaria começando, de verdade, a emagrecer. Persistindo sem comida, perceberá que, durante o processo (que deve durar tanto tempo quanto você realmente aguentar), inicia- se uma perda maciça de peso, em curto prazo. De um dia pro outro, por exemplo, você já vai poder notar que as pernas terão afinado. Isso, talvez, seja a maior motivação para driblar a dor e continuar a tolerando. No entanto, até chegar nesse estágio, é preciso paciência. São três, quatro, cinco dias sem comida até que as dores comecem a aparecer. Mas, assim que vierem, agarre-se a elas. Isso é a anorexia agindo no seu corpo - arrancando dos seus ossos toda essa massa podre de gordura e carnes. Seja racional: num processo de emagrecimento, o peso que se perde não "evapora". A gordura e a carne são intensamente arrancadas de cima dos seus ossos e vão pro intestino, para depois poderem sair. Você pensa que esse processo não é dolorido? É CLARO que é! Mas se você é forte, vai conseguir. Algumas observações: As maiores dores são de estômago. Ele se contrai com muita força, fica minúsculo, dói agudamente e parece querer puxar do próprio corpo o que necessita pra se alimentar; de fato, é o que está acontecendo - por isso, aguente firme. Você mesma passará a ser o alimento do seu próprio corpo, lembre-se disso. Você mesma vai ser a comida que o seu organismo passará a digerir. Que aparência tem essa comida? Não sei. Mas observe as fezes; elas passam a ter uma aparência específica: são gordurosas e mais claras que o comum

Nenhum comentário:

Postar um comentário